Bibliotecas virtuais

Cada vez mais a política das principais bibliotecas do mundo consiste em digitalizar seu acervo e disponibilizá-lo para qualquer usuário do planeta.

Reportagem de Eleonora Vallazza para o La Nación mostra que o desenvolvimento da informática e a expansão da internet têm permitido a democratização do conhecimento ao ponto que qualquer usuário da web pode visitar as principais bibliotecas do mundo e descobrir os grandes tesouros da cultura universal. (Las bibliotecas, al alcance de todo. La Nación, 21.02.2009)

Com razão afirma que a internet não representa necessariamente uma utopia do conhecimento, mas na imensidão do seu oceano existem ilhas cuja paisagem se parece muito com o da globalização do saber. Seu impacto dependerá das inquietudes do usuário e cumpre o sonho de Jorge Luis Borges: transformar o mundo em um livro.

A reportagem cita os principais acervos digitalizados e disponíveis na internet em língua espanhola e francesa:

Biblioteca Virtual Miguel de Cervantes
Inaugurada em 1999, a biblioteca agrega mais de 30.000 obras, desde os grandes clássicos da literatura espanhola até a documentação relativa a Conquista, passando pela poesia contemporânea e uma importante seleção dos trabalhos literários, históricos e jurídicos da América latina.

Biblioteca Digital Andina
Projeto da Secretaria Geral da Comunidade Andina, busca contribuir para o conhecimento, preservação e divulgação da cultura andina, e fortalecer a identidade comum. Compreende as bibliotecas nacionais e das universidades públicas e privadas da Bolívia, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela.

Bibliotecas Independientes de Cuba
Projeto da Fundación por la Libertad de Expresión, organização não partidária sem fins lucrativos de Cuba que apóia o crescimento da liberdade de imprensa.

Gallica
Espaço virtual da Biblioteca Nacional Francesa, criado em 1998, que privilegia a cultura francófona, com mais de 90.000 obras e 80.000 imagens. Sua coleção se organiza por disciplinas (direito, economia, ciências políticas, história, literatura, ciências e filosofia). Também inclui obras clássicas estrangeiras em seu idioma original e traduzidas. Complementada pela Biblioteca de Poesia Francesa, com mais de 6.000 poemas, coloca a França na vanguarda deste segmento cultural.

Europeana
Projeto da União Européia que se encontra em fase de teste. Contará com mais de 2 milhões de obras, entre imagens, textos, áudios e vídeos. Será a maior biblioteca virtual do mundo, com participação de mais de cem organizações acadêmicas e editoriais.

[Publicado pelo Editor]

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s